Notícias
 
Esportes
 
06/07/2019
Brasil duela com Peru na decisão da Copa América
 

A decisão da Copa América, neste domingo (07), às 17h, no Maracanã, vai ter um ingrediente ainda mais especial para a grande maioria dos relacionados: apenas quatro jogadores entre os 46 convocados por Brasil e Peru – sendo todos brasileiros – já tiveram a oportunidade de disputar uma final com a camisa da seleção de seu país.

Levando em conta apenas competições oficiais (Copa América, Copa das Confederações e Copa do Mundo), os únicos que desfrutaram do prazer de uma decisão pelo Brasil foram: Daniel Alves, Thiago Silva, Filipe Luís e Miranda, sendo que apenas os dois primeiros estiveram em campo.

Para os peruanos, tudo é novidade. Mesmo Guerrero, maior referência do futebol do país na atualidade, jamais chegou a uma final pela seleção. A última decisão do Peru foi em 1975, quando bateu a Colômbia e levantou a taça da Copa América.

Aos 36 anos, Daniel Alves esbanja experiência no quesito decisão. O jogador do PSG disputou três finais com a camisa da Seleção, todas com título: foi titular contra a Espanha na Copa das Confederações de 2013 (assim como Thiago Silva), entrou no segundo tempo da vitória contra os EUA na Copa das Confederações de 2009 e marcou o gol que sacramentou o título contra a Argentina na Copa América de 2007.


3º LUGAR

Derrotada pelo Peru por 3 a 0 na semifinal da Copa América, a seleção do Chile voltou a São Paulo na última quinta-feira (04). Neste sábado (06), enfrenta a Argentina, que perdeu para o Brasil por 2 a 0, a partir das 16h, na Arena Corinthians, na disputa pela terceira colocação do torneio.

O jogo de sábado, entre as seleções que fizeram as duas últimas finais de Copa América, ambas vencidas pelo Chile, empolga pouco os jogadores da equipe comandada por Reinaldo Rueda. Após a derrota para o Peru, o meio-campista Arturo Vidal, uma das estrelas da seleção chilena, disse que não há muita "vontade de jogar".

Do Globo Esporte

 

 
 
 
 
publicidade